Morro da Babilônia

  Endereço  Praça Afonso Vizeu, Alto da Boa Vista, Rio de janeiro, RJ
  Distância Total  4 km
  Tempo Total  1 hora
  Elevação Máxima  200 metros
  Nível do Trajeto  Leve

 

 

 


>A CHEGADA

    O Morro da Babilônia fica no Leme, bairro vizinho à Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Há muitas maneiras de chegar até lá: carro, ônibus, caminhando, bicicleta, entre outras; Basta seguir por toda a extensão da Av. Atlântica, que beira a orla de Copacabana (no sentido Urca) até a altura do Hotel Windsor, bem próximo ao Morro do Leme

     

>A TRILHA

      A trilha envolve partes de subida pelas vielas da Favela, através das escadarias e a parte final, em terra, que é muito curta e tranquila.

          A trilha começa no alto da Favela da Babilônia. A ladeira que leva até a Favela fica numa das ruas internas do Leme (Rua General Ribeiro da Costa – acessada pelas ruas anterior ou seguinte ao Hotel). Logo no início da ladeira tem uma bifurcação. Siga pra esquerda em direção ao Morro da Babilônia, pois o caminho da direita leva pro Chapéu Mangueira, comunidade vizinha.

     Continue subindo até a altura do Babilônia Rio Hostel e de lá suba pela rua do Rosário, que contorna, por trás, um complexo de prédios, até uma escadaria que sobe pra dentro da comunidade. 

      Siga pela escadaria morro adentro até chegar numa “muretinha” à direita. Nesse ponto siga pra direita e continue indo até chegar num espaço aberto diante da mata e uma casa à frente . (Muito cuidado: nesse ponto – tem uma trilha “falsa” que vai pra dentro do mato à direita, passando por uma casa de tijolos, mas o caminho não é esse!). Contorne a casa por um caminho de cimento e continua subindo.

      Em pouco tempo você chega a uma clareira na mata e, próximo a ela, uma placa informativa diante de uma bifurcação. É nesse ponto que tem início a trilha. Siga pra direita, subindo. A partir dai a trilha é muito tranquila exigindo quase nenhum esforço, além de ser bem demarcada.

     Nas bifurcações, sinalizadas, seguir sempre em direção à “pedra do telegrafo” e “mirante rio sul” até chegar ao topo, um espaço totalmente aberto com uma visão incrível de toda a enseada do bairro Botafogo. Um pouco mais abaixo tem um mirante virado pro shopping Rio Sul e pro Morro do Corcovado, com um Cristo imponente no topo.

 

topo do Morro da Babilônia

 

Mirante do Rio Sul

OBS: O outro mirante “mirante do urubu” fica próximo à área militar, portanto os guias locais não recomendam ir.

ATENÇÃO: Apesar do Morro da Babilônia ser pacificado e ter uma UPP – Unidade de Polícia Pacificadora instalada, ainda há a presença de traficantes e por isso existe o risco de confronto entre facções ou com os policiais. Procure se informar antes de subir a Favela! Uma dica é  perguntar no Babilônia Hostel. Os donos são muito simpáticos e bem informados. Aliás, não é incomum cruzar com traficantes no caminho, portanto é recomendável fazer essa trilha acompanhado da presença de um guia (de preferência local).

    

>CONSIDERAÇÕES FINAIS*

       O Morro da Babilônia oferece diversas opções de bares dentre os quais o mais famoso é o Bar do Alto, com uma vista incrível do por do sol na praia de Copacabana (Para mais informações acesse  facebook.com/pg/bardoalto).

Por do Sol no Bar do Alto

     Uma boa pedida também é passar no Hostel Babilônia na volta da trilha ou até mesmo se hospedar lá caso more fora do Rio (nesse caso os próprios funcionários oferecem o passeio à trilha). O hostel possui um ambiente muito agradável, vista pra praia de Copacabana, um bar com preço muito acessível e sinuca. Além dos simpáticos donos do estabelecimento. A energia é muito boa! (Visite o site deles: babiloniariohostel.com.br/)

   Abaixo, disponibilizamos mais algumas considerações e curiosidades sobre os locais visitados.

Morro da Babilônia: “O Morro da Babilônia é um morro localizado entre os bairros de Botafogo, Urca, Leme e Copacabana, na cidade do Rio de Janeiro, no Brasil. Abriga duas favelas: a do Morro da Babilônia e a do Chapéu Mangueira. Algumas áreas de mata atlântica área de proteção ambiental (APA) dos Morros da Babilônia e São João (1996). Em 10 de junho de 2009, foi inaugurada a UPP Babilônia e Chapéu Mangueira, Com um efetivo de 107 policiais militares a serviço da população local e dos turistas. Atualmente a comunidade conta com algumas obras de urbanização e infraestrutura, os serviços públicos aos poucos são mais presentes, como os cursos oferecidos pela Faetec, o posto de saúde as creches, entre outros.”. (Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Morro_da_Babil%C3%B4nia)

Digiprove sealCopyright secured by Digiprove © 2017

Deixar uma resposta

All original content on these pages is fingerprinted and certified by Digiprove
Por favor, aguarde...

Junte-se a nos!

Deixe seu nome e e-mail pra que possamos enviar todas as novidades do nosso site, (relatos de trilhas, cachoeiras, dicas sobre viagens e muito mais) assim que forem sendo publicadas!! Siga também nosso instagram - @trilhasecachoeiras - e nos envie suas fotos...toda semana publicamos o \"destaque da semana\". Grande Abraço!
Translate »